Pink Floyd Reunion executa, ao vivo, trilha do clássico ‘The wall’ (Jornal Estado de Minas)

Ópera-rock de 1982 será exibida no Cine Theatro Brasil enquanto a banda mineira toca ao lado de orquestra e coral

Jornal Estado de Minas
por Redação EM Cultura 10/03/2017 08:33

Depois de mais de 30 anos da primeira exibição, os fãs de rock poderão reviver de forma diferente as emoções do filme Pink Floyd – The wall, lançado em 1982. De sexta (10) a domingo (12), sessões especiais do longa estarão em cartaz no Cine Theatro Brasil Vallourec, em BH.

A banda mineira Pink Floyd Reunion, que está à frente do projeto, promete levar emoção para os admiradores do grupo britânico. Enquanto o longa for projetado na tela gigante, em alta definição e na íntegra, a trilha sonora será executada ao vivo, com direito a coral e orquestra montados especialmente para o evento. O maestro Rodrigo Garcia vai regê-los. 

Tudo estará sincronizado, como nos tempos do cinema mudo. “Cada detalhe das músicas e dos instrumentos será respeitado. Queremos preservar ao máximo a qualidade do Pink Floyd”, explica Marcelo Canaan, líder do grupo Pink Floyd Reunion.1

O longa é baseado no álbum The wall (1979). Ele conta a história de Pink, que perde o pai na Segunda Guerra Mundial e passa a viver com a mãe superprotetora. O jovem se torna um superstar, enlouquece com a fama e só consegue subir ao palco sob o efeito de drogas.

“A ópera-rock The wall vai muito além de sua inquestionável importância para a história da música. Trata-se do álbum duplo mais vendido, é certamente a mais complexa das obras do Pink Floyd”, considera Marcelo.

O projeto mineiro demandou cerca de dois anos de estudos sobre a banda, canções, arranjos e linhas melódicas. “É um espetáculo absurdamente emocionante. Nos ensaios, já estávamos muito sensibilizados. Antes mesmo de começar a divulgação, era nítido o entusiasmo de alguns fãs”, revela Canaan. Cerca de 80 pessoas estão envolvidas nesse evento.

Mesmo sendo uma banda dos anos 1960/1970, o Pink Floyd ainda arrasta uma multidão de fãs. Com a grande procura por ingressos em BH, foi necessário abrir data extra para a minitemporada.
Marcelo Canaan destaca que a música da banda britânica agrada a públicos de diferentes idades. “Já vendemos quase três mil bilhetes. Percebemos que a quantidade de jovens, adultos e idosos que compraram é a mesma”, diz.

Fundada há 14 anos, a banda Pink Floyd Reunion se propõe a reproduzir com fidelidade o som do icônico grupo britânico. As apresentações em BH também celebram a trajetória dos mineiros. “O desafio é gigantesco. Sentimos uma adrenalina positiva, fora do comum”, conclui Marcelo Canaan.

PINK FLOYD REUNION

Sexta e sábado, às 21h; domingo, às 19h. Cine Theatro Brasil Vallourec, Praça Sete, Centro, (31) 2626-1251. 1º lote: R$ 70 (plateia 1) e R$ 50 (plateia 2). 2º lote: R$ 90 (plateia 1) e R$ 70 (2º lote). Meia-entrada de acordo com a lei.


 

Leave a reply